Ecos da Segunda Guerra

 

1939 - 1945

 

Que essa ocasião solene faça emergir um mundo melhor, com fé e entendimento, dedicado à dignidade do homem e à satisfação de seu desejo de liberdade, tolerância e justiça."

Segunda Guerra Mundial
Home / Cinema Segunda Guerra / Filmes da Segunda Guerra – The Bunker – Em Guerra Contra o Medo
the bunker - Filmes da Segunda Guerra - The Bunker - Em Guerra Contra o Medo

Filmes da Segunda Guerra – The Bunker – Em Guerra Contra o Medo

001the bunker 1 - Filmes da Segunda Guerra - The Bunker - Em Guerra Contra o Medo The Bunker

EUA – 2001 – Colorido

Duração: 88 min.

Direção: Rob Green

Elenco: Jason Flemyng, Andrew Tiernan, Christopher Fairbank, Simon Kunz, Andrew Lee Potts, John Carlisle, Eddie Marsan, Jack Davenport, Charley Boorman, Nicholas Hamnett, Peter O’Connor, Josh Cole, Iain McKee, Nick Rutherford, Simon D’Arcy,

Sinopse: Segunda Guerra Mundial, junho de 1944…

“Quando você olha para um abismo por muito tempo, o abismo começa a olhar para você” – Friedrich Nieztche. Esta frase do filósofo alemão dá início ao filme The Bunker – A Guerra Contra o Medo.
Na primeira cena vemos dois soldados num túnel, fechando uma passagem… As luzes piscam e um gemido ecoa do lado de lá da passagem, aterrorizados eles fogem do local…

4 meses depois…

Na fronteira da Alemanha com a Bélgica um grupo de soldados alemães foge desesperadamente de soldados dos Estados Unidos que avançam por entre uma floresta. O grupo contendo sete combatentes alemães encontra um porto seguro, um Bunker próximo a fronteira.

No bunker há apenas dois militares, um cabo veterano da Primeira Guerra, Mirus e um jovem soldado. O grupo junta-se a eles e logo descobrem que além da falta de pessoal, há escassez de munição, comida e qualquer outro tipo provisão; além de estarem isolados e sem possibilidades de receber reforços. Também não tarda para que os novos abrigados tomem ciência de um complexo de túneis ligados ao bunker que, embora nunca tenha sido terminado, os levaria a uma saída alternativa.

Dispostos a usarem o sistema de túneis para fugir do local, o cabo Mirus tenta persuadi-los a desistir contando uma história apavorante…

“(…) Foi na época da Peste Negra… e a peste varria o continente. Esse vilarejo era isolado e achavam que estavam seguros. Mas era impossível escapar da morte. A doença se espalhou como um fogo furioso. Um dia, um estranho chegou ao vilarejo. (…) Ele disse que afugentaria a peste definitivamente. E os habitantes acreditaram nele. Aconteceu em uma noite terrível. (…) Ele liderou a plebe… que tiraram infectados e doentes de suas casas… e seguiu-os até essas florestas. (…) Foram mortos a pauladas… e depois literalmente dilacerados. E quando tudo acabou… seus corpos envenenados foram jogados num buraco. Mas nem todos estavam mortos quando fecharam o buraco.”

A estória contada por Mirus apenas faz aumentar a paranoia dos recém chegados que acreditam estarem cercados pelo inimigo – que o expectador nunca vê e nem fica sabendo se de fato há alguém fora do bunker ou se é mesmo imaginação dos alemães.

Um filme coberto de suspense consistente, sem heróis ou bandidos. Frio e calculista sem uso de mortes horrendas para impressionar o público, sem sustos falsos, sem espíritos perambulando. Todo o clima do filme fica a mercê da dedução do próprio expectador.

Fica difícil saber durante que quase todo o filme se tudo não passa de paranóia dos combatentes ou se realmente há soldados inimigos a espreita. Ou ainda se os espíritos dos mortos na Idade Média estão à solta no sistema de túneis.

O filme não tem propósito de narrar a história ou um pedaço dela, mas de trabalhar o suspense sobre como o medo pode ter diversas faces. E realmente o suspense causa medo. 

Um suspense psicológico que não apela para o óbvio para prender a atenção do expectador e causar arrepios.

VEJA IMAGENS DO FILME THE BUNKER – EM GUERRA CONTRA O MEDO

VEJA O TRAILER DO FILME THE BUNKER – EM GUERRA CONTRA O MEDO

Sobre André Luiz!

André Luiz, natural de Osasco, ex-militar do Exército, estudou letras em São Paulo, graduando em Psicologia e fascinado pelos fatos que envolvem a Segunda Guerra Mundial. Idealizador e criador do site Ecos da Segunda Guerra, - antigo Segunda Guerra.org - escreve sob a expectativa de contribuir com a memória deste trágico conflito e demonstrar mesmo nos acontecimentos mais terríveis é possível observar detalhes interessantes.

Veja Também

b19df0fb5232909c5c82992ebb354fc8 1 - Filmes da Segunda Guerra - Alemanha, ano Zero - 1947

Filmes da Segunda Guerra – Alemanha, ano Zero – 1947

Germania Anno Zero Alemanha/França/Itália – 1947 – Preto e Branco Duração: 78 min. Direção: Roberto …

4 comentários

  1. Obrigado por me contar a historia do filme, agora vou ter de alugar outro, achava que era falando só da produção.

    • João Pedro e acho que você deve comprar e não somente alugar esse filme, e o que contamos aqui não é nem a metade do que acontece no filme.

  2. João Pedro, obrigado pela visita.
    Não há detalhes da história do filme no artigo, tampouco o desfecho. O filme é bom e vale a pena ser assistido mesmo que se saiba o final. Não há spoiler. Apenas há uma análise geral da qualidade e roteiro do filme.

  3. Ótimo filme…o melhor que já assisti sobre suspense…

Deixe sua Opinião (Facebook - Twitter - Google+)