Ecos da Segunda Guerra

 

1939 - 1945

 

Que essa ocasião solene faça emergir um mundo melhor, com fé e entendimento, dedicado à dignidade do homem e à satisfação de seu desejo de liberdade, tolerância e justiça."

Segunda Guerra Mundial
Home / Armamento / Armas da Segunda Guerra – Os Rifles Alemães Gewehr 41W e a Gewehr 43
rifle - Armas da Segunda Guerra - Os Rifles Alemães Gewehr 41W e a Gewehr 43

Armas da Segunda Guerra – Os Rifles Alemães Gewehr 41W e a Gewehr 43

A busca alemã por um fuzil semi-automático para a infantaria resultou em dois modelos: o G41 (M) – fabricada pela Mauser e o G41 (W) – fabricada pela Walther.

O modelo desenvolvido pela Mauser, introduzido em 1941, fracassou e apenas 6.673 foram produzidas e deste número, 1673 foram devolvidos como inutilizável. Já o modelo feito pela  Walther se saiu melhor em combate, mas não era confiável. Por isso, em 1943, a Walther, introduziu um novo modelo com sistema de operação a gás, mantendo os mesmos aspectos do G41 (W). Foi bem aceito e entrou em serviço sob a denominação de Gewehr 43 – renomeado para Karabiner 43 em 1944 -, com uma produção de pouco mais de 400.000 unidades.
Houveram variações pequenas introduzidas no G/K43 ao longo do seu ciclo de produção. O importante é que não foram introduzidas alterações ao modelo do fuzil especificamente para coincidir com a mudança de nomenclatura Gewehr para Karabiner. Não há, portanto, diferença de peso ou comprimento entre o G43 e os K43.

walther_g41Gewehr 41(W)

Alemanha

Tipo: Rifle Semi-automático
País:
Alemanha
Operação: a gás
Calibre: 7,92×57 mm
Velocidade de saída do projétil: 775 m/s
Comprimento do cano: 546 mm
Comprimento total: 1.110 mm
Alimentação: carregador destacável com 10 cartuchos escalonados.
Peso: 4,267 kg.
Alcance: preciso até 400 m.

 

walther_g43Gewehr 43

Alemanha

Tipo: Rifle Semi-automático
País:
Alemanha
Operação: a gás
Calibre: 7,92×57 mm
Velocidade de saída do projétil: 765 m/s
Comprimento do cano: 550 mm
Comprimento total: 1.110 mm
Alimentação: carregador destacável com 10 cartuchos escalonados.
Peso: 4,267 kg.
Alcance: preciso até 500 m.

 

VEJA MAIS IMAGENS DA GEWEHR 41(W) EM COMBATE

VEJA MAIS IMAGENS DA GEWEHR 43 EM COMBATE

Sobre André Luiz!

André Luiz, natural de Osasco, ex-militar do Exército, estudou letras em São Paulo, graduando em Psicologia e fascinado pelos fatos que envolvem a Segunda Guerra Mundial. Idealizador e criador do site Ecos da Segunda Guerra, - antigo Segunda Guerra.org - escreve sob a expectativa de contribuir com a memória deste trágico conflito e demonstrar mesmo nos acontecimentos mais terríveis é possível observar detalhes interessantes.

Veja Também

topo katyusha - Katyusha, a arma soviética que aterrorizou os alemães na Segunda Guerra

Katyusha, a arma soviética que aterrorizou os alemães na Segunda Guerra

Katyusha, o sistema de lançamento múltiplo de foguetes da União Soviética Katyusha, uma das armas …

Flak jacket 1942 - Colete a Prova de Balas Russo

Colete a Prova de Balas Russo

SN-42 (russo: Stalnoi Nagrudnik – Aço bib) é um tipo de armadura corporal desenvolvido pelo Exército Vermelho …

7 comentários

  1. Prezado André Luíz,
    muito bom seus artigos. Tenho feito deles um ponto de partida para conhecer melhor os armamentos alemãs da WWII. Herdei um G/K43 ac 44 com algumas peças faltantes que estou procurando recompor; Você tem alguma dica sobre onde e com quem posso adquirir: 01 mount para luneta, 01 carregador e 01 vareta de limpeza?? Abraços, Oswaldo Rego;

  2. prezado Osvaldo…não sou o André mais acho que posso lhe responder. sua arma como é muito antiga sera difícil de achar, mas, se puder, procure na Alemanha onde estão 80% das peças, mas se procurar bem terão bastante nas regiões sul e sudeste do Brasil, onde muitos soldados alemães fugiram da guerra e vieram para cá. Pode procurar também em uma loja de armas, mas atenção! nunca improvise seus itens, pois isso é um ato inseguro e sua arma no mínimo falhara de vez, e quando conseguir as peças não se esqueça de manter a sua g/w limpa, pois ela é uma relíquia.. abraços!

  3. disponha andre….

  4. Andre, vou lhe pedir um favor, lá vai: gostaria que fizesse um artigo sobre os médicos no exercito.

  5. obrigado andré, lhe pedi isso pois gostaria muito de quando eu servir de ser um medico

Deixe sua Opinião (Facebook - Twitter - Google+)